Não sabe o que fazer nas férias?

3 12 2008

Olha, eu desisto. Já queria me internar num hospital e só sair de lá quando estiver sem nenhum chiadinho no peito. Gente, vocês não estão entendendo como dói! Até pra respirar! Mas tá bom. Daí que hoje, por causa dos ataques de tosse, eu não trabalhei à tarde. E agorinha meu sobrinho de 6 anos veio me visitar, e eu lembrei que tinha comprado um presente pra ele em setembro (!!!) e não tinha dado até hoje. Coitado, acho que ele nem gostou muito, mas não dá mais pra trocar. A dinda promete que te leva pra escolher um bem legal de Natal, tá?

O que esse post tem a ver com isso? É que o presente era um jogo, velho conhecido de vários de nós, Cara a Cara. Lembra? ‘É homem ou mulher?’, ‘Usa óculos?’…  Eu nem lembrava o tanto que era engraçado =p

Eu adoro jogos, baralhos, quebra-cabeça e tal, e resolvi fazer um post com os meus mais-mais deste setor. Eles não estão em ordem de preferência, viu? Vamos lá:

11

Esse eu só fui aprender a jogar mesmo faz pouco tempo. Antes ficava igual bocó fingindo que tava entendendo, que tava anotando alguma coisa, olhando com cara de desconfiada pra todo mundo, mas no fundo, boiando. Hoje eu adoro, super já peguei ‘as manha’ e jogo até pela internet.

Acho chique o nome dos personagens: Srta. Rosa, Coronel Mostarda, Sr. Marinho…  e quem não gosta de dar seus palpites? ‘Eu acho que foi o Profº Black, na Sala de Jogos, com a chave inglesa!’. Fora que os ambientes também são chiquééérrimos.

 

21

Pra jogar esse aqui é bom estar com um pouquinho mais de tempo, porque nunca se sabe que horas termina. E pode ser que nunca. Eu sempre dou uma mudada nas regras pra ficar mais difícil, ou mais fácil de um ganhar logo, porque esperar pra comprar todas as ruas da mesma cor pra poder contruir casas e hotéis, não dá.

Mas é ótimo, quando a pessoa que é o banco é confiável (meu namorado é terminantemente proibido!). E dá uma raiva quando você cai num hotel em Interlagos, que o aluguel de uma noite não sai por menos de R$1.500,00!

 

3

Eu amava o Jogo da Vida quando era criança, hoje em dia acho meio sem graça, porque você não tem muita autonomia, é um jogo que não usa estratégia, mas sim sorte. Você vai vivendo como manda o tabuleiro. Mas é legal poder virar médico, receber salário, casar, ter filhos, receber herança, ter que cuidar dos gatos da tia e até apostar na bolsa. Médio.

 

 

 

4

O meu preferido-disparado! Descobri esse jogo esse ano, é paixão recente. E demora até eu achar alguém com saco pra jogar comigo, mas vale a pena. É bem complicadinho, demora se tiver muita gente, porque cada um tem que ler e anotar as dicas que encontra pelo caminho. As histórias são ótimas, e as dicas fazem pensar um pouquinho. Amo! Geralmente você tem que descobrir quem cometeu o crime, como e porquê, mas pode ter mais perguntas, como onde, quando e etc.

 

5

 

Esse é o que mais faz sucesso nas minhas rodas. É ótimo pra juntar a família no Natal, e pra jogar homens contra mulheres também. Sempre dá briga! É um jogo fácil, que todo mundo pode jogar. Eu, particularmente, só jogo de mímica, porque acho mais animado. Mas o de desenhar também deve ser gostoso.

 

7

 

Academia é o centro das atenções da minha turma há algum tempo. É muito engraçado, porque o jogo pede pra você dizer o significado de palavras que provavelmente você nunca ouviu na vida, e o objetivo não é acertar, mas os outros acreditarem que você está certo! Quanto mais criatividade, melhor! É o meu segundo-favorito, mas o melhor une os amigos.

 

6

 

Por último, o da Enciclopédia, que é uma outra versão do da Academia. Ao invés de definir palavras estranhas, você precisa bolar teorias para questões do dia-a-dia, de ciências, de várias coisas. Como por exemplo ‘Como são feitos os aviões invisíveis?’ ou ‘Como saber se uma galinha vai botar ovos vermelhos ou brancos?’. Eu acho que esse é até melhor que o da Academia, mas eu não tenho, então não é favoritado.

 

Não vou citar War porque eu detesto! Acho um jogo que sempre acaba ou em guerra de família/amigos, ou em desanimo de continuar, ou em alguém bagunçando tudo. Se alguém tiver mais dicas, eu adoraria ouvir!

E agora, vai reclamar de não ter o que fazer nas férias?

*Fotos retiradas dos sites da Grow e da Estrela.

Anúncios

Ações

Informação

One response

3 12 2008
renata

oi vim ti visitar.
Adorei seu post sobre jogos de tabuleiro, também adoro, acho ótimo para reunir os amigos naqueles dias frios que fazem por aqui.
Ano passado adquiri o banco imobiliário e ficavamos durante horas jogando, uma noite ficamos até as 4h da manhã na função.
Compramos tb numa promoção do jornal daqui de POA o imagem em ação, adoro ele, é engraçado, da briga mas é muito legal.
Tb adoro um joguinho de cartas, um poquer.
Olha que estou com 31 anos mas ainda me divirto com esses jogos.
beijo e boa noite

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: